Insurreição dos Signos

Insurreição dos Signos serve-nos como um palco que nos remete a assistir ao surgimento de conceber com o poder da mente e dos dedos uma nova forma de fazer poesia em Angola. Sem desprimor ao material literatura já existente, o escrito, Hélder Simbad ou Ybynda Kayambu, ressurge neste poemário novos signos ou técnicas e estéticas de informar ao leitor através duns sujeitos poéticos, com os modos expressivos cómicos, dramáticos, didácticos e, profundamente, políticos, os grandes problemas que atrasam o progresso da terra do autor e dos demais países africanos e do mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *