Percorrendo as situações de Trabalho

Esta obra apresenta os resultados de um estudo qualitativo e exploratório realizado com motoristas de ônibus convencionais de um município de médio porte da RMBH. O estudo teve como objetivo investigar como esses motoristas lidam as situações de trabalho que atravessam seu cotidiano. A coleta dos dados foi feita a partir de observações em onze linhas de ônibus convencionais, entrevistas semi-estruturadas com cinco motoristas, um encarregado de tráfego e um instrutor do trabalho dos motoristas. Outras estratégicas de coleta de dados foram conversas informais com trabalhadores e a pesquisa documental. Utilizou-se a perspectiva ergológica como principal fonte de inspiração para análise dos dados. Os resultados mostram que, como toda norma, as normas elaboradas pela empresa onde trabalham os motoristas estudados apresentam lacunas, estando distanciadas das situações singulares de trabalho vividas pelos trabalhadores no aqui e agora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *